Quando Seu Marido Vê Pornografia

Unsplash

É devastador para uma esposa descobrir que seu marido busca experiências sexuais fora do casamento. A pornografia e as fantasias sexuais que alimentam seu uso são comportamentos infiéis que quebram a promessa sagrada: Sou dedicado e fiel a você somente.

Como deve uma esposa responder quando seu marido tem problemas contínuos com a pornografia, confessando mais um deslize ou queda? Deve ela continuar a perdoá-lo quando ele continuamente deixa de mortificar este pecado? Deve ela se resignar a viver com isso, porque, bem, não é isto o que os homens fazem, até mesmo os homens cristãos? Ou deve se separar dele e até considerar se divorciar, para eliminar a dor de seu casamento conturbado?

Três Respostas Piedosas

Deixe-me sugerir três maneiras de abordar sua dor.

1. Lamente

Deus a insta a lamentar a dor, a confiança quebrada e a decepção profunda causadas pelo fato de que seu marido procura a pornografia. O lamento reconhece o dano do pecado e é um caminho para o profundo consolo que Deus dá: “Perto está o SENHOR dos que têm o coração quebrantado e salva os de espírito oprimido.” (Sl 34.18).

Nas Escrituras, Deus a lembra continuamente que você é muito importante para Ele.

2. Fique Irada

Não é errado sentir ira perante os pecados e as tentações que permanecem deste lado do céu. A imoralidade sexual no casamento rouba dos dois cônjuges a unidade centrada em Cristo e a alegria da intimidade conjugal.

3. Busque Comunhão

Você necessita de uma amiga de confiança ou de um líder espiritual ao seu lado. Muitas esposas creem erroneamente que a submissão e o respeito significam manter em segredo o pecado de seus maridos. Embora seja desonroso difundir os pecados de seu marido a todos que estejam ao alcance da sua voz, um pequeno grupo de amigas piedosas e dignas de confiança é um conforto precioso e uma auxílio para a sua alma. Uma igreja saudável olhará para você e dirá: “Somos os guardiões de nossa irmã”.

Dois Caminhos para Avançar

À medida em que você trata de sua dor, o Senhor a conclama a buscar caminhos de redenção adicionais, não apenas para si mesma, mas também para seu casamento. Aqui estão duas respostas adicionais ao pecado de seu marido.

1. Aprenda

Se seu marido continuar a ter dificuldades, aprenda mais sobre este assunto específico. Dois sites confiáveis ​​sobre o vício em sexo (incluindo o efeito sobre os cônjuges) são os blogs da Harvest USA e Covenant Eyes [disponíveis somente em Inglês].

2. Tenha Discernimento

À medida em que você aprende mais sobre os problemas dele com a pornografia, você consegue discernir uma trajetória positiva para superar este pecado, mesmo que haja alguns deslizes? Ou ele está atolado? Ou pior ainda, ele está desistindo? Discernir se ele está realmente tentando, com humildade, superar seu pecado — ou está apenas brincando com ele — vai ajudá-la a saber se você necessita procurar um pastor ou um ancião que possa estar ao seu lado para confrontar seu marido, conforme somos instruídos em Mateus 18.15-20 .

Minha irmã, isto não é trair a confiança, mas é uma demonstração de amor corajoso.

Um Objetivo Principal

O amor habilitado por Jesus proporciona coragem no casamento. É necessário ousadia para enfrentar o pecado, para ajudar seu marido a se envolver implacavelmente na batalha para atrofiar a carne e alimentar o Espírito (Gl 6.7–9).

Como demonstrar amor ativo por Cristo e por seu marido? Aqui estão algumas idéias.

  • Ore consistentemente por ele e pelo seu casamento.
  • Comunique honestamente sobre a melhor maneira dele se confessar a você. Como fazê-lo de uma maneira a aumentar a confiança, sem provocar medo em seu coração ou imagens em sua mente?
  • Busque a santidade em sua própria vida. A dor e o medo podem ser ocasiões tentadoras para fofocar, para ficar amargurada, ou mesmo para buscar seus próprios ídolos de conforto pecaminoso. Tenha cuidado com estes pecados e implore a ajuda do Espírito Santo para continuar a caminhar em piedade, mesmo em meio a esta provação excruciante.
  • Tenha a expectativa de que seu marido busque e mantenha um sistema de responsabilidade efetiva. Quem são os homens com quem ele é completamente honesto? Quem o exorta e encoraja em sua batalha contra a luxúria? A prestação de contas permite que você descanse, sabendo que outros receberão os impactos mais repugnantes de suas confissões, mas também o convencerão a ser honesto com você. É responsabilidade dele e não sua, estabelecer um sistema de prestação de contas. Se ele se recusar, lembre-se de que uma resposta piedosa é que você busque a orientação e a supervisão de uma comunidade de igreja confiável.
  • Pergunte a seu marido como você pode ajudá-lo a fugir da tentação. Somos conclamados em 1 Coríntios 10.14 a fugir da idolatria, e isto significa que não haverá janelas secretas para escapar em direção ao pecado. Você configurou bloqueios tecnológicos (filtros em dispositivos e TVs)? Smartphones e outros dispositivos podem parecer necessários, mas não são. “E, se a tua mão direita te faz tropeçar, corta-a e lança-a de ti; pois te convém que se perca um dos teus membros, e não vá todo o teu corpo para o inferno.” (Mt 5.30).

Irmã, ter esperança no seu Deus digno de confiança, sua Rocha, irá estabilizá-la em seu cansaço e dor por esta situação. Jesus Cristo tem o poder de realizar transformações radicais para qualquer um atolado em pecado.

Por meio de um sistema robusto de responsabilização e de um autocontrole habilitado pelo Espírito, os maridos podem guerrear sabiamente, fazendo o que for necessário para atrofiar este pecado. As vias neurais podem ser reconectadas nos cérebros. Hábitos comportamentais podem ser re-aprendidos. Milagres podem ocorrer.

Portanto, não desanime ou desista. As feridas que você está enfrentando são reais, mas não são em vão e não é obrigatório que terminem em tragédia. Sua dependência cheia de esperança no amor e força de Cristo — e em uma igreja saudável — poderá moldar a maneira como seguirá em frente ao lado de seu marido.

 

 

Traduzido por Felipe Barnabé

Compartilhar
CARREGAR MAIS
Loading